Search

Content

0 comentários

Amor x ramati

Hoje percebi que ainda há muito de você em mim. Para completar, não sei se quero te superar e superar os sentimentos que criei em torno de você. Tudo o que sinto preenche meu corpo e meu coração, sufocando e me deixando sem alternativas a não ser sentir.
Mais informações »
0 comentários

Criação






A criação do artista é a parte mais valiosa da obra. Lógico que o produto final é importante, mas é durante o inicio e o término da obra que estão suas inquietações, erros e acertos, dúvidas e certezas, vontade de mudar tudo e o mais importante os seus questionamentos.
Todo artista se pergunta no seu processo de criação, ou pelo menos deveria se perguntar: O que quero dizer com essa obra?
A obra final de um artista não é o ápice de sua criação, mas descobrir já durante o processo que impactos irão causar no seu público.
O artista vive a obra somente enquanto ela esta sendo produzida, pois quando é finalizada quem passa a vivencia-la é o fruidor, o conten ki' mplador de sua obra.
Os processos de criação na atualidade estão sendo cada vez mais valorizados, pois é o instante do autor com sua obra. A construção da obra é um lugar que tem vários caminhos e isso é prazeroso tanto para quem faz como para quem vê.
Mas no campo de investigação dos processos de criação, existem muitos equívocos. Primeiro, o processo de criação é antes de tudo, busca por um produto final que ainda não se sabe claramenteo que é, mas que se tem uma noção de onde se quer chegar. Segundo, mostra de processos não são explicativos do que é processo. Terceiro não se deve ignorar o público assistindo. Os processos criativos são fragmentos que gosto ou mostrar onde “até aqui cheguei, mas ainda não é isso que quero” .
Talvez a palavra mais próxima que defina o que vem a ser processo criativo é possibilidades.
Mais informações »
0 comentários

Mandala viva


Padrões visuais que despertam sensações diferentes.
Nem só de papel,lápis,telas,tintas etc... vive o artista plástico. Rsrsrs
Desde então tenho usado elementos genuínos, da natureza, em toda a sua força e qualidade, como matéria ,utilizada em termos e propósitos de uma composição plástica. Pelo menos é  assim que entendo o paisagismo, como uma forma de manifestação artística.
Mais informações »
1 comentários

Meu pé de limão

Boa tarde !

Ufa!.... esse assunto é muito sério.
Deixei uma postagem ontem no grupo customização e criação sobre o meu desejo de remover esse limoeiro.

Esse do lado esquerdo da foto, pq irei ativar esse pequeno lago artificial e o pé de limão fica fora do contexto.
Nossa !!!!!! Recebi vários apelos para não remove-lo do local,  confesso que fiquei sensibilizada mas sou muito teimosa e quando eu quero uma coisa eu faço!
Mas tomei todas as precauções até mesmo pq meu marido é Engenheiro Agrônomo e se encarregou da tarefa enviando a sua equipe.
Obrigada a todos pela preocupação, mas dará tudo certo,vou continuar com ele em um local mais apropriado
Mais informações »
0 comentários

O perdão

Durante grande parte da minha vida estive aborrecida por causa de situações pelas quais tive de passar e tinha 100% de certeza que a culpa era de outra pessoa. Quando entendi que a impossibilidade de me perdoar e perdoar os outros por erros do passado não me deixaria viver feliz, decidi mudar. Levou algum tempo para que eu tirasse este peso das costas, mas, depois, me senti realmente livre. Deixe que o passado vá embora e irá entender que a vida é bela.
Mais informações »
0 comentários

Elegância

Olá Gente !
ELEGÂNCIA É ALGO QUE A GENTE CARREGA, NÃO VESTE!

Ser elegante vai além de ter bom gosto com roupas e saber se vestir. Elegância é algo que a gente carrega e não veste.

Regras de etiqueta da vida e não do armário para uma vida onde elegância é sinônimo de educação e bom comportamento.

Sabe o que é mesmo elegante? Ter bom senso e respeito.

Não é preciso estar em cima de um salto alto ou A elegância está na simplicidade de um bom dia sincero para o porteiro que passou a noite toda acordado, no falar baixo quando o outro está perto, no saber ouvir quando o outro fala, e no saber sorrir quando isso é tudo o que você pode oferecer.

No saber agir sem agredir.

Uma pessoa elegante tem encantamento na voz, fala com propriedade e tem jeito com as palavras. Sabe chamar a atenção sem ser rude, saber observar sem se intrometer, sabe respeitar o espaço alheio.

A elegância está no tom da voz e no silêncio que também comunica. Na forma de se posicionar quando precisa, no jeito de ver o mundo.

Uma pessoa elegante não vive de fofocas, não inventa mentiras e não se mete em baixaria. Quem é elegante tem positividade, atrai pessoas do bem, vibra com a vida, com os sucessos, torce pelo outro, não tem inveja, carrega alegrias e otimismo, e sente com verdade. Não sabe viver de oportunismos, sabe se colocar nas oportunidades e não puxa saco nem tapete.

Elegância está no “com licença” e “muito obrigado”. No reconhecimento do esforço, na empatia e na colaboração. Está na mão que ajuda, está também na gratidão

E quanto mais conheço pessoas, mais percebo que a elegância está vestida de simplicidade e não de rótulos e invólucros sociais. Encontrei mais elegância calçada de chinelos que vestida de etiquetas, e isso não tem haver com situação financeira, mas com referência de vida, criação e sabedoria.

Encontrei a elegância no ser e não no ter, e percebi que é mais elegante aqueles que se vestem de amor.

Anieli Talon
Mais informações »
0 comentários

Querer é poder

Reflexão

NÃO ME DIGA QUE VOCÊ NÃO TEM TEMPO, DIGA QUE SUAS PRIORIDADES SÃO OUTRAS!

Se alguém quiser, arrumará tempo. Se não tem tempo é porque não quer ou porque tem outras prioridades. Portanto, não permita que mintam para você e também não engane a si mesmo. De fato,sempre haverá um espaço reservado para uma pessoa que temos vontade de ver, com quem temos vontade de falar ou com quem nos preocupamos: é a premissa do carinho e do amor.

“Orientar-se segundo as prioridades: esse é o segredo do domínio do tempo.” -Robin Sharma-

Conforme vamos amadurecendo, a vida vai tornando a tarefa de conseguir espaços para os outros ou mesmo para aquelas atividades que tanto gostamos mais complicada. Principalmente porque somos tomados por outras atividades que nos roubam praticamente todo o tempo livre que dispomos. Contudo, não é verdade que ele não exista: dizem que “querer é poder”, e no caso dos relacionamentos pessoais, esta é uma premissa muito importante.
Mais informações »
0 comentários

Projeto casa da árvore mix para adultos e crianças


Ter uma casa na árvore faz parte do sonho de muitas crianças, mas esse não é só um sonho infantil não; tem muito adulto que também almeja viver nas alturas. E não importa se o desejo é de criança ou dos mais grandinhos, a verdade é que dá para alegrar todo mundo com o projeto de um lar ou um refúgio em meio a natureza.

A pergunta que não quer calar rsrs

- Posso ter uma casa na árvore mesmo sem ter a árvore ?

Sem dúvida, casas na árvore podem ser totalmente apoiadas em mourões de madeira e as árvores podem fazer parte do projeto de outra forma. As árvores podem abraçar o projeto, dando beleza e criando um pano de fundo. Podemos também projetar os decks de forma de os troncos atravessem a plataforma, dando a impressão de serem pilares de sustentação. Há várias maneiras de construir uma casa na árvore sem a árvore .kkkk
Mais informações »
0 comentários

Os tipos de mulheres




5 tipos de mulheres que você tem que entender pra se dar bem em um relacionamento.




1 – Urbana e decidida

Este tipo de mulher é muito bem resolvida e não vai se relacionar com qualquer tipo de homem. Apesar dela não julgar a beleza como algo fundamental, ela vai procurar um homem que saiba se impor e mostrar firmeza. Se o homem não tiver atitude, corre o risco de ver o relacionamento ser dominado pela mulher e isso pode esfriar a relação.



Como se comporta na cama: é óbvio que toda mulher gosta de sexo, mas para tirar o máximo dela é preciso que haja uma química especial. O importante com a mulher urbana é surpreender.

2 – Alternativa

Essa mulher tem hábitos ligados à natureza, não gosta de rotina. Se você quer conquistar uma mulher desse tipo, vai ter que proporcionar grandes emoções na vida dela . Cuidado apenas para não deixar que ela decida todos os rumos do casal, como viagens e roteiros. Nesse caso, é preciso haver consenso.



Como se comporta na cama: ela gosta de sentir sensações novas, ter propostas criativas sempre vai ser interessante. Se você pensa naquela rapidinha, talvez seja melhor mudar de ideia e partir para algo mais detalhado, e com preliminares.



3 – Culta e antenada

Com esta mulher a conversa não pode ser muito racional. A mulher culta gosta de divagar sobre diversos assuntos e temas, nada daquela conversa “entrevista de emprego”. Ela tem vasto conhecimento no mundo das artes, talvez seja interessante para o homem se interar deste segmento para poder se comunicar com mais facilidade. Se você não tem paciência para esse tipo de papo, melhor procurar outra pretendente.



Como se comporta na cama: ela é um pouco tímida e pode demorar um pouco para se entregar por completo. Porém, quando se entrega pode fazer todas as vontades do parceiro.



4 – A fêmea alfa

Para reconhecer uma fêmea alfa, basta observar um grupo de mulheres. Geralmente, quem está à frente e comanda as ações deste grupo é a chamada fêmea alfa. Se você está interessado em uma mulher deste tipo, prepare-se para lidar com uma pessoa com opinião própria, vasto conhecimento e com certa dose de exigência.



A fêmea alfa não gosta de se relacionar com pessoas que possuem menos conhecimento do que ela e, por esse motivo, acaba se relacionando com homens mais velhos e experientes. Em um relacionamento com a fêmea alfa é necessário bom senso para dividir a liderança, pois ela tem dificuldade de ser liderada. Mas não pense em obedecer todas as ordens dela, isso prejudica o equilíbrio do casal.



Como se comporta na cama: o primeiro passo é baixar a guarda da fêmea alfa, depois disso, ela pode se tornar uma leoa na cama.



5 – A rainha do lar

Caso você pretenda formar uma família, de maneira mais tradicional, ela é a mulher ideal. A rainha do lar se preparou para o casamento e pode enfrentar com maior facilidade as dificuldades do matrimônio. Com ela, você encontrará grande cumplicidade e provavelmente uma boa mãe para seus filhos.



Como se comporta na cama: ela é meiga e carinhosa na hora de amar, mas é preciso ter cuidado para que a rotina familiar não interfira no desejo sexual.



Mais informações »
0 comentários

Os geminianos

Um pôster dedicado ao signo de gêmeos 
(Acho q posso falar deles com propriedade kkkk)
Os geminianos são dinâmicos.

 Seus pensamentos vem em suas cabeças como um turbilhão de coisas e situações.Um geminiano pode te fazer morrer de rir agora e daqui a poucos minutos te fazer chorar muito, a ponto de vc querer matá-lo.São extremamente carinhosos, porém desconfiados, não gostam de demonstrar o que sentem pelo fato de terem medo de serem magoados se o parceiro souber que está apaixonado.Pode te ligar cinco vezes num mesmo dia e ficarem quase uma semana sem te ligar.Têm uma cabeça confusa, indecisa, não sabem que direção tomar e por isso precisam de alguém que sirva-o de guia, ao passo de que quando dizem não é não!Ninguém muda os pensamentos de um geminiano.São trabalhadores demais, capazes de acordar às 5:00 h e parar só para fechar os olhos às 24:00h.Apesar de ser o signo da comunicação, a comunicação de um geminiano pode ser percebida através das suas expressões faciais e pequenos gestos , pois eles têm muita dificuldade de expressão com relação aos assuntos do coração, pelo fato de terem medo de serem vistos como bobos.São crianças grandes.Quando amam, amam mesmo, mas por mais que um geminiano esteja amando, qualquer deslize do parceiro tira o seu chão e ele por muitas vezes pode decidir jogar a relação para o alto, por não suportar situações que o deixem encucados, inseguros...Vc pode conseguir tudo de um nativo de Gêmeos, porém para isso precisará ter muita cautela, pois não gostam de sentirem -se pressionados.Só fazem o que têm vontade.
. 
Mais informações »
0 comentários

A verdade sobre os “traumas” de infância

Todo texto bom que leio gosto de compartilhar e aqui esta uma excelente reflexão sobre os tão ditos traumas da infância, muito bem descrito por Flavio Gikovate.


 As carências da vida adulta se devem à razões bem mais complexas que a falta de amor dos pais.
Não é minha intenção subestimar a importância das vivências infantis dolorosas na formação de sintomas chamados de neuróticos na vida adulta. Não gostaria, porém, de continuar a superestimá-los, como têm feito algumas das mais importantes correntes da psicologia contemporânea. A importância da infância na formação de nossas estruturas psíquicas é óbvia. Além de ser dependente, de ter o cérebro pronto para operar e receber informações do meio que a cerca, a criança possui uma intuição sofisticada, fruto da evolução incompleta da sua razão lógica – a razão após estabelecer-se completamente, funciona como “camisa-de-força” para as operações psíquicas sensoriais.
O que me preocupa é a forma dedutiva como muitos raciocinam sobre o tema. Observam, por exemplo, um adulto incapaz de ficar só e que busca com urgência qualquer tipo de vínculo afetivo. Ficam sabendo que ele teve uma mãe que lhe deu pouco carinho, pois vinha de uma família em que não era usual a manifestação física do afeto. Correlacionam os dois fatos e deduzem que, “lógico”, esse adulto carente de afeto é produto de uma criança que teve menos amor que precisava.
Pode ser que seja “lógico”, mas nem tudo que é lógico é verdadeiro. O que define a veracidade de uma firmação é sua comprovação prática. Minha experiência clínica mostra que todos nós, adultos, somos carentes, inseguros e com grande dificuldade para estarmos só, mesmo quando tivemos uma mãe amorosa.
Alguns de nós crescemos carentes porque tivemos pouco amor na infância e ansiamos por preencher essa lacuna. Outros porque tivemos muito, acostumamo-nos a isso e não conseguimos viver com menos. As carências da vida adulta não dependem apenas de nossa mãe e das peculiaridades que marcaram a nossa infância. Atribuo essa sensação de incompletude a um acontecimento geral, próprio de toda a espécie humana: a dramática vivência do nascimento, quando nos desgrudamos da mãe e passamos a sentir toda a sorte de inseguranças, desconfortos e desamparo.
O nascer é um “trauma” infantil, que nos marca a todos. Com o passar dos anos, um outro ingrediente entra em cena: o modo como funciona nossa razão. Já pelos 2-3 anos de idade observamos grandes diferenças na reação de crianças expostas ao mesmo fato externo. Diante da morte de um animal de estimação, por exemplo, algumas sofrerão mais que outras. Algumas tolerarão melhor frustrações, contrariedades e dores de todo o tipo; outras reagirão com violência sempre que contrariadas. Algumas serão facilmente conduzidas pelos argumentos; outras serão guiadas mais pela vontade que pela razão. Não há como negar que algumas dessas diferenças dependem de variáveis inatas e não relacionadas com o ambiente ou às vivências que cada criatura tenha tido de enfrentar.
Não desprezo a possibilidade de certas experiências dolorosas terem forte influência sobre a formação da personalidade de algumas pessoas. Isso, em virtude de terem sido expostas a dores muito graves (estupro, pai que se matou, queimaduras sérias etc.) ou por terem um espírito muito delicado (filhos que se tornam tímidos ou gagos em razão da agressividade dos pais, rapazes que evoluem na direção homossexual por serem objeto de humilhação, pessoas que se tornam obsessivas porque não tiveram espaço para expressão de suas raivas).
O que não me parece correto é generalizarmos esse tipo de reflexão apenas porque nos parece “lógico”. E, o que é mais grave, para explicar condições gerais dos setores humanos: inseguranças, carências afetivas e tantos outros conflitos que todos temos. Esse raciocínio equivocado sobre os “traumas” de infância tem acovardado muitos pais, tornando-os incapazes de agir com rigor e determinação na educação dos filhos.

Mais informações »
0 comentários

A vida é curta!

“Se pudéssemos ter consciência do quanto nossa vida é passageira, talvez pensássemos duas vezes antes de jogar fora as oportunidades que temos de ser e de fazer os outros felizes!! “
Mais informações »
0 comentários

Filhos

Como bem dizia Alice Miller, uma extraordinária psicóloga suíça que morreu no ano passado, aos 83 anos, e era uma grande defensora dos filhos, o único amor incondicional que existe é dos filhos para os pais. As crianças precisam muito mais dos pais: para crescer, ser guiadas, ter proteção, ser alimentadas, receber valores e, sobretudo, ser amadas. Os filhos não precisam provar seu amor aos pais, mas se os pais amam seus filhos devem dar a eles provas desse amor, acompanhando seu crescimento, transmitindo-lhes valores, colocando limites, frustrando quando necessário, oferecendo um modelo de vida que faça
sentido. Sem isso, o amor será apenas palavras.
Mais informações »
0 comentários

Resumindo

Mais informações »
0 comentários

O que vale

Se eu pudesse voltar no tempo não mudaria absolutamente nada.
Sou fruto dos meus erros também.
Sem retoques.
As cicatrizes que carrego no peito, na alma, na mente, me fizeram mais forte.
Se machuquei alguém, foi sem querer.
Talvez pudesse até evitar.
Mas às vezes a gente acaba ferindo também.
Na ânsia de viver, de sonhar.
Correr sem medo do relógio, sem tempo pra razão e tem coisas que a gente acaba fazendo que machucam o coração.
Quero viver sem amarguras, sem ressentimentos, sem rancores para que a alma possa estar mais leve pra fluir.
Quem carrega o passado nas costas como se fosse uma pedra, perde a chance de sorrir.
Não quero repetir os mesmos erros depois.
O que passou já foi, quero descobrir novos passos.
E que paire sobre mim a luz das coisas boas que ainda possa fazer, quero beijos e abraços.
E como viver, é viver e morrer.
Que seja sem prazo de validade.
Importa o que fiz por amor, o resto foi pura vaidade.
(Tico Santa Cruz)


Mais informações »
0 comentários

Refletindo

viva sua vida – assume seus desejos, banca suas escolhas e enfrenta as consequências.kkk
Ou então se arrependa pelo resto da vida (pensando alto )x ramati
Mais informações »
0 comentários

Loucos !!!!



''Eu gosto é dos loucos. Porque gente louca não tem medo do ridículo nem do rótulo. Gente louca não tá nem aí para o que não interessa. Gente louca é leve. E intensa. Com essa gente não há censura, não há ‘não-me-toques’. Os loucos tocam-te fundo, lá na alma, e fazem-te acreditar que o impossível nem sempre é tão impossível assim.
Os loucos arriscam. Largam tudo. Mudam de ideia. De gosto. De direção. Eles voltam quando acham que têm que voltar. Eles seguem quando acham que o melhor é seguir.
Gente louca manda um ‘foda-se’ do tamanho do universo para tudo o que faz mal. Gente louca escuta o coração.
Gente louca se encontra, gente louca se entende''


Karô Muro
Mais informações »
0 comentários
╔════ೋღ🕊ღೋ══╗

 ♡ Nem tudo nessa vida é
     fácil mas com certeza
           nada é impossível,
        ser forte  não é ter
        a força de um leão,
      mas sim a paciência e
          humildade de um
              pássaro que,
          mesmo na gaiola
            Não deixa de cantar
            e nem  perde
       a esperança de voar!♡
     
                🍃BOM DIA🍃

╚════ೋღ🕊ღೋ══╝
Mais informações »
2 comentários

Geminianos


Vou começar
dizendo: Se gente normal me cansa ! rsrsr PUTZZZ então vamos ser amigos para o resto da vida kkk e isso é muito bom...



Você sabe quando eu preciso rsrs





da gentileza especial que você oferece,




da compreensão e do estimulo




que vem tão naturalmente de você.





Você é uma pessoa especial!




... de muitas maneiras:




com palavras e atenções




que me fazem sentir tão melhor,




Você dá o que ninguém mais pode dar.











Você faz o que ninguém mais pode fazer.





E eu agradeço muito a você!
Mais informações »
1 comentários

Amor x Ramati

Olá pessoal, desculpe minha ausência nos últimos dias. Estou com pouco tempo para preparar as matérias, contudo tentarei me organizar para acordar mais cedo, como fiz hoje, e atualizar o blog. Tentarei! Mas vamos lá.
Sou uma mulher, artista, mãe que não desiste, que tem coragem, que não se vê como vítima, que assume sua dor, mas não se deixa abater por ela. Que sente raiva, tristeza, angústia, mas não as vê como obstáculos e sim como emoções que precisam ser sentidas e encaradas, não guardadas debaixo do tapete. Que enxerga o peso do passado, contudo entende que só depende de mim para fazer um futuro diferente e melhor. Uma mulher  que não se limita aos nãos da vida, mas os enxerga como possibilidades de aprender e melhorar. Enfim, encaro os problemas o amor nao vivido(ramati)rsrs
 como oportunidade e assim os transformam em bençãos.
Mais informações »
0 comentários

Prosperidade


Você pode ter um império, mas se você tem medo da pobreza, você não conhece a prosperidade. Não importa quantos bilhões você tem na conta, se você é atormentado pelo medo da escassez, você não conhece a prosperidade. A prosperidade nasce da confiança; a confiança de que você terá todas as suas necessidades atendidas.
Uma pessoa próspera não tem medo da escassez. Uma pessoa próspera é sempre generosa. Ela sempre dá com alegria, torcendo para que o outro faça um bom uso, para que ele seja feliz. A avareza é um desdobramento do medo. Ela é a trincheira que o medo da escassez usa para se esconder. Ela vai alimentando essa ideia de que você é um ‘eu’ separado.
A nova economia precisa nascer do amor. E um dos principais elementos é a cooperação, pois a cooperação nasce do amor. Quando você está vibrando na confiança, você percebe que é possível ser próspero junto com o outro, porque você percebe que a fonte é infinita - não existe falta no mundo de Deus.
Fonte-internet
Mais informações »
0 comentários

Objeto artistico X Objeto cultural

Objeto cultural : um componente, com uma meta, agradar a todos. Varia com o tempo e com o lugar, com uma função de retratar culturas de uma sociedade.


Objeto artistico : um elemento independente, que carrrega uma expressão própria. Realizado a partir da percepção de emoções e ideias; com objetivo de estimular opiniões e dando um significado único e diferente para cada obra.
Mais informações »
0 comentários

O pegging o que é

"O pegging é uma das muitas formas de desfrutar do sexo . Para alguns, é uma coisa simplesmente impensável, mas outras pessoas fantasiam com a ideia e grande parte delas realizam essa fantasia com um prazer incrível. É sexo anal basicamente, mas não ele com ela e nem entre um casal do mesmo sexo, e sim algo um pouco diferente: é ela quem o penetra. Isso mesmo que você leu! Não é interessante?kkkk

O Pegging proporciona uma experiência única a nível psicológico, pois permite uma "troca real de papeis" (por exemplo, homem/mulher; dominação/submissão). Em alguns casais, para vincar mais este aspecto, durante a atividade sexual o homem pode usar roupa intima feminina, saltos-altos, etc, enquanto que a mulher pode usar gravata masculina.
Mais informações »
0 comentários

cactos

SIGNIFICADO DOS CACTOS 
Segundo o Feng Shui os cactos são considerados Guardiões, por serem purificadores de ambientes e, de acordo com os especialistas desta técnica milenar, os cactos agem como uma barreira para os raios gama emitidos por computadores e aparelhos de TV. Uma única planta é capaz de purificar o ar de uma sala de 9 m2 poluição, gerada por verniz, tintas, colas, fibras sintéticas e fumaça de c
igarro.
Mais informações »
0 comentários

Sagitarianas.

Originais, essa é a palavra. Nem sempre ela dirá o que você quer ouvir, na maioria das vezes vai deixá-lo arrepiado com suas observações francas e desconcertantes. E de vez em quando te dirá coisas tão maravilhosas que te fará dançar de felicidade.
 Essa é a sagitariana. Sincera, sarcástica e independente. Não tente mandar nesta mulher. Se nem seu pai consegue dominá-la, não vai ser qualquer homem que vai poder lhe dar ordens. Se pegar muito no pé dela.. Ihh, tchau! Elas não abrem mão da sua personalidade por homem algum, goste dela do jeito que ela é, e se não gostar? Ela vai procurar quem goste. E vai achar rapidinho, garanto.
 É o tipo de mulher que quanto mais nervosa, mais sarcástica. Ela pode te mandar para o inferno com um sorriso no rosto e ridiculariza-lo na frente de todos como se estivesse se divertindo. Faz qualquer pessoa de bobo da corte e ainda sai por cima como se nem estivesse ofendida. Mas felizes das pessoas que tem uma sagitariana ao seu lado. São eternas crianças! Sempre alegres e cheias de vida, alegrarão suas festas e serão as melhores confidentes. Já repararam que uma sagitariana sempre anda de nariz empinado até que.. Ops, tropeçou, caiu! Destrambelhada e desastrada. Tendem a fugir de relacionamentos por puro medo de se envolver, adoram pagar de duronas insensíveis por medo de machucarem seus coraçõezinhos puros. Mas quer saber? Quando ela se apaixona irradia felicidade, beija gostoso e te faz delirar. Mas não espere que ela te faça juras de amor. Para uma mulher de sagitário mais vale uma ação do que qualquer palavra. Para elas é difícil falar sobre o que sentem. Estar ao lado de uma sagitariana é viver intensamente e acreditar no futuro. Mesmo que incerto. Se joga na vida com ela e vá viver as mais loucas aventuras.
Mais informações »
0 comentários
"Devemos considerar a natureza não apenas pela sua riqueza e utilidade, mas considerá-la sob o prisma da beleza. Mas mesmo isso não basta. Devemos ainda considerar o seu mistério, sua impenetrabilidade; vê-la em sua sublimidade, erguendo-a acima da antinomia: belo ou feio. Não devemos buscar, mas encontrar; julgar, mas ver e compreender, aspirar e elaborar o recebido. Da floresta e do prado outonal, da geleira e da seara madura deverão fluir, através de nossos sentidos, a força vital e espiritual, o sentido e o valor da vida. Nossas peregrinações por uma região devem fomentar os nossos mais elevados sentimentos, nossa harmonia com a totalidade cósmica. Não deve ser um esporte, nem um hobby. Não devemos, instigados por um interesse qualquer, contemplar e apreciar a montanha e o lago e o céu, mas nos mover e nos sentir abrigados em seu meio, que, como nós, são partes de um todo e formas visíveis de uma ideia; cada um, com suas próprias aptidões e com os meios providos por sua educação e cultura, como artista ou cientista ou filósofo. Devemos sentir todo o nosso ser, e não apenas o nosso corpo, como afim e integrado no todo. Só assim conseguimos realmente contatar e compreender a natureza."

Hermann Hesse - em A Arte dos Ociosos

Mais informações »

Decoração com sustentabilidade

Conforto e praticidade sempre são conceitos importantes na hora de decorar a casa. Mas, nos dias de hoje, uma outra preocupação ganha cada vez mais destaque: a preservação do meio ambiente. A palavra do momento é Sustentabilidade e a pergunta que mais ouço é: “Como trazer a sustentabilidade para o design de interiores?”.
Pois bem, hoje em dia a decoração de interiores tem um certo facilitador que é o reaproveitamento de artigos decorativos e móveis, sabe aquela mesinha da vovó que está servindo de apoio para ferramentas na garagem? Pode ter certeza que com uma boa lixa e uma tinta apropriada ela irá se transformar em artigo de luxo dentro da sua casa. 
Mais informações »
0 comentários

Desenho realista

A vida é feita de pequenos e belos momentos. Essa foi a minha inspiração para imortalizar esses momentos em desenhos incríveis! Uma verdadeira obra de arte que irá te emocionar!

O desenho realista consegue capta a expressão do rosto q jamais seria capaz com uma máquina. A sensibilidade do artista com a tecnica do desenho faz com que a obra seja humanizada interagindo com o público.
Mais informações »
0 comentários

O que é Wabi Sabi?

Wabi Sabi é a expressão que os japoneses inventaram para definir a beleza que mora nas coisas imperfeitas e incompletas.
O termo é quase que intraduzível.
Na verdade, wabi sabi é um jeito de “ver” as coisas através de uma ótica de simplicidade, naturalidade e aceitação da realidade.
Contam que o conceito surgiu por volta do século 15.
Wabi sabi, é realmente a essência de uma vida em harmonia. O fazer têxtil nos ensina, a cada trama a desenvolver este conceito de “ver beleza na imperfeição”

Através dos séculos, Wabi Sabi veio a significar uma abordagem à vida e à arte que está em harmonia com a natureza, que valoriza o tradicional e rústico e reconhece a impermanência da vida. Somos encorajados a ser respeitoso com a idade, tanto nas coisas que nós mesmos e aconselha-na ser feliz com o que temos e nem sempre estar lutando e lutando por mais. Wabi Sabi tem um toque de nostalgia a este respeito.

A arte é uma parte essencial da vida, já que é um meio para nos expressar e mostrar o que pensamos do nosso ambiente. É uma maneira de compartilhar idéias e emoções. Comunicar verdades profundas, transmitir o conhecimento espiritual, compartilhar suas percepções internas com o resto.
A palavra sabi tenta transmitir uma sensação de desolação. Isso implica um espírito de solidão absoluta e a idéia de que não há nada que permanece imutável e que todos os seres vivos estão destinados a morrer. Se trata do desejo que sentimos reconquistar o mundo da infância, o mundo do momento presente, não definido pela língua ou os valores que constitui uma experiência pura da realidade. 

Wabi a palavra vem do verbo wabu, que significa definhar, e o adjetivo wabishii, usado para descrever os sentimentos de solidão e desolação e miséria. No entanto, os escritores dos períodos Kamakura e Muromachi usaram essas conotações negativas de uma forma mais positiva para expressar uma vida que tinha sido liberada do mundo material. Assim, wabi, na verdade significa "pobreza", ou seja, não depende de coisas terrenas — riqueza, poder, reputação - e ainda interiormente sentir a presença de algo extremamente valioso ao longo do tempo e posição social: isto é o que constitui essencialmente wabi.
Uma vida de pobreza foi o Zen ideal para o qual aspirava os monges que desejavam alcançar a verdade derradeira realidade, daí surgem, estas imagens negativas, o ideal de uma pessoa que transcendeu o desejo de desfrutar os confortos do mundo físico e conseguiu encontrar paz e harmonia na vida dos mais simples. Você aprende a ser auto-suficientes com o fracasso das coisas.




Fonte-internet

Mais informações »
0 comentários

Se ame em primeiro lugar

Não é possível amar ao outro sem se amar antes.
 E aqui cabe uma reflexão muito importante: como você se ama? Você se valoriza, percebe coisas boas em si mesmo, tem clareza de seus princípios, valoriza seus desejos, lida bem com seus erros e defeitos? Como você cuida de si mesmo, se responsabilizando por suas necessidades ou esperando que os outros façam isto por você? Como você se vê em relação aos outros, igual ou menor? Como você demonstra suas vontades, entendendo-as como dignas de serem valorizadas ou sem importância? Enfim, como você se vê?
É como você se ama que determinará como se colocará diante dos outros. Amar demais a alguém na verdade pode ser um grande sinal de se amar pouco.
Mais informações »
0 comentários
"O MAIOR INIMIGO DA CRIATIVIDADE É O BOM-SENSO" Picasso
Mais informações »
0 comentários

Me sentindo muito feliz

 Mudança total...
 
Alguns dizem que felicidade é encontrar paz interior, outros que é ter um encontro com Deus, outros com família e por ai vai. Penso que não há uma resposta única, e sim, que alegria ou felicidade é uma soma de vários atributos. Mas que acima de tudo é um estado de espírito que esta relacionado a como lidamos com o que há dentro de nós e não com as circunstâncias. Pois estas mudam o tempo todo, mas aquilo que somos, o que sentimos, as emoções que estão em nós, dependem muito mais de como atribuímos valor e importância a elas do que o que está ocorrendo no externo. Tanto que muitas vezes esta tudo bem e não nos sentimos felizes, o contrário também. Por isso não é possível exigir ou esperar que o outro nos faça felizes, só depende de nós.
Mais informações »

Arquivo do blog

Total de visualizações de página

Quem sou eu

Minha foto

Feirense, graduada em Administração, e artista plástica  especialista no desenho retrato com uma abordagem realista e sóbria, que utiliza exclusivamente a técnica do pastel, iniciou nas artes ainda na infância tem como foco fundamental a expressão dos rostos, seus temperamentos e a psicologia da expressão, a tradução de um sentimento, de uma emoção fugidia e instantânea. Começou a expor em 1996 após concluir o curso no Centro Universitário de Cultura e Arte (Cuca), é uma das fundadoras do Grupo de Arte contemporânea de Feira de Santana, pesquisadora da arte rupestre com exposição desse tema em 2007, e amante da arte contemporânea, na qual aborda temas polêmicos.
"Só me dirijo às pessoas capazes de me entender, e essas poderão ler-me sem
perigo."Marquês de sade

Seguidores

Redes